Subscribe:

Ads 468x60px

Pages

Balsa de Carne de Vaca pode parar de operar

Balsa arrasta 80 toneladas pelo canal do Rio Goiana

A balsa instalada no canal entre as praias de Carne de Vaca (Goiana-PE) e Acaú (Pitimbú-PB) parece estar com seus dias contados. É que a Resex, reserva extrativista instaurada nas praias, diz que a atividade corriqueira da balsa está degradando o meio-ambiente, e tentará na Justiça interromper o tráfego da embarcação.

Diante disso, a população que utiliza os serviços da travessia, tanto da Paraíba para Pernambuco quanto daqui para lá, já está se sentindo prejudicada. Betânia Maria, moradora de Carne de Vaca, utiliza a balsa pelo menos duas vezes por dia. Ela narrou ao Aqui Goiana.com o imenso percurso que fará se ela for retirada: “Eu tenho que visitar minha tia que mora sozinha em Pontinha. Se não fosse a balsa eu tinha que pegar uma Kombi até o centro de Goiana e de lá pegar outra Kombi ou o ônibus até Acaú e depois mais uma Kombi pra chegar a Pontinha”.

Assim como Betânia, muita gente atravessa os lados das praias todos os dias. São pescadores, vendedores e outros trabalhadores que têm atividades dos dois lados do canal.
Segundo a Resex, a operação da balsa está interferindo no habitat natural daquela região. Já que a balsa arrasta 80 toneladas pelo canal do Rio Goiana, que divide as duas praias.
As opiniões estão divididas em Carne de Vaca e Acaú, visto que o verão começou e o fluxo de carros e pessoas na área vai aumentar consideravelmente.

4 comentários:

Julie Emanuelle disse...

Pq ela está degradando? A grande questão é essa. É importantíssima a utilização dos rios, mares para locomoção, é necessário buscar um meio de CONTINUAR simm com a balsa, mas que seja visto o motivo que faz ela prejudicar o meio ambiente.

Tricobarbiano disse...

Se for assim, parem os navios cargueiros, os transatlanticos, os petroleiros, os de cruzeiro, os de pesca...

Junior Brown disse...

Acho que poderia ser achado uma maneira do processo continuar sem degradar o ambiente.
Vamos Chamar os tec. e Engenheiros ambientais.

Tyanny disse...

Aquela balsa tem várias serventias... além de só enricar o dono dela, ela espanta o peixe-boi(que isso é muito ruim)E realmente acaba com sossego das ostras e mariscos para a sua preservação! Sem falar do transporte idiscrimidado de marginais de uma margem a outra! Tem que acabar com aquela vergonha! Resolvido isso! De repente criem uma reserva e um turismo ecologicamente correto e tirem os pescadores da região da miséria! Xôoooooooooooo Balsaaaaaaa....

Postar um comentário